Camper - instalando o suporte das Bikes

outubro/2015 - Esta adaptação sempre esteve em nossos planos. Faltava encontrar uma janela entre as viagens e na agenda do nosso serralheiro de confiança.

Levar nossas “magrelas” e aproveitar as trilhas, ciclovias e a tranquilidade das cidades pequenas agora é assunto resolvido. Para dividir com os amigos que possuem equipamento semelhante, aí vão os detalhes do projeto e sua execução. […]

Nossa camper é o modelo “hard top”, com os macacos móveis e dispostos na traseira. Os modelos atuais tem os macacos fixos, mas a lógica e os pontos de fixação são os mesmos, já que o esqueleto (estrutura de “metalon”) é similar.

A presença dos macacos ocupando a única área possível para instalar as bikes parecia complicar o projeto. Pensando melhor, acabou sendo a solução.

Seguindo os mesmos pontos de fixação, definimos, inicialmente, onde seria instalada a peça de maior esforço e como dividir o balanço vertical, já que nossas bikes são bem pesadas.

Uma cantoneira forte foi aparafusada por baixo do ombro da camper, com parafusos e porcas auto-travantes, com o acesso por dentro da caixa da bateria. Mais 2 outros pontos de apoio foram fixados, para instalar o tubo que receberá o garfo dianteiro. Mesma solução para o lado esquerdo, com acesso por dentro do armário do banheiro.

A estrutura parecia forte o suficiente, mas adicionamos ainda um terceiro ponto de apoio, já que a viabilidade e o acesso era ótimo, por baixo da bacia que recebe os macacos.

Com este ponto resolvido, passamos a pensar onde fixar o gancho que prenderia a roda traseira da bike. Sua função não seria de esforço, mas tão somente de guia e manutenção da posição vertical, além de servir de suporte na rotina de carga e descarga da bicicleta. Estudamos o ângulo de curvatura necessário e começamos a curvar o tubo. Soldamos este tubo a uma barrinha e fixamos na guilhotina superior que aprisiona os macacos.

Feitos todos os testes de esforço, as peças foram desmontadas para acabamento e pintura.

O resultado final foi surpreendente pela robustez e elegância do conjunto. A abertura da porta foi preservada, permitindo o acesso rápido ao interior da camper. O toldo traseiro pode ser aberto sem necessitar retirar as bikes, facilitando o pernoite em dias chuvosos.

Consumimos umas 6 horas de trabalho para planejar, testar e executar. Aos amigos que desejamronaldo-serralheria repetir o projeto, 4 horas são mais que suficientes. Já colocamos o conjunto em testes na estrada de terra, com bastante vibração e se portou muito bem. Para contato com o nosso serralheiro Ronaldo, muito conhecido no meio do caravanismo, aí vai o telefone.

Ronaldo e Vânia - 24 99943-1496

Agora, com as “magrelas”, nossa dinâmica de viagem ficou bem mais ampla, isso sem falar no prazer de pedalar e no bem que vai estar fazendo a nossa saúde.

separador

O casal de amigos Hélcio e Majô nos enviaram uma nova solução para fixar as bikes na Camper. Ficou simplesmente espetacular. Aí vão as fotos já com as bikes instaladas. Trata-se de um braço articulado que deixa as bikes de lado.

Vista1

Vista2

Vista3Vista3a

Observe na foto abaixo, como as bikes ficam coladas na traseira da Camper.

Vista4

Parabéns pelo projeto. Nota 10.

Até breve.    Siga-nos nas redes sociais

         Siga-nos no Twitter Veja nosso canal no YouTube Curta nossa página no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Google+


RECOMENDAMOS PARA VOCÊ A LEITURA ABAIXO

Camper Duaron – um modelo para cada gosto
Camper – instalando a Camper Duaron na pickup
Camper – melhorias internas e externas

Aproveite que está aqui, cadastre abaixo seu e-mail em nosso Feed de notícias e receba gratuitamente, todas as atualizações deste blog.

 

Vai viajar? Seguro de Viagem é item de Primeira Necessidade. Leve-o com você. Aproveite e faça uma comparação de preços e coberturas entre as melhores seguradoras do mercado no painel abaixo.

13 comentários:

  1. Uau. ficou TOP essas bikes aí....... show de bola

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficou mesmo Marcos. Estamos muito orgulhosos do resultado final. O processo de carga e descarga tb ficou muito fácil. Todos os créditos para o Ronaldo, nosso colega campista e um serralheiro TOP. Abs

      Excluir
  2. só tenho a concordar com todos os elogios acima, parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Olá Carlos e Gleidys! Parabéns pelo projeto e por compartilhá-lo conosco. Ficamos somente com uma dúvida: Por qual motivo decidiram remover a roda da frente? Obrigado e boas viagens sempre para vocês! Abraços, Henrique e Sabrina - Terra Adentro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Henrique. Td bem? Com a roda da frente, o conjunto fica instável e bem mais longo. Travando no garfo, a bike fica firme. A roda da frente eu prendo no quadro usando aqueles elásticos com gancho. Coloquei engate rápido nas rodas dianteiras.

      Excluir
  4. Carlos e Gleidys,
    Ficou muito bacana !
    Nosso amigo Ronaldo é fera !!!
    Um abraço,
    Delfim Bouças

    ResponderExcluir
  5. Muito bom, mas sóuma dúvida, como exatamente vc fixa o garfo da bike no suporte? Abraços e moas viagens!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Georgio. Pensei num engate rápido, mas acabei decidindo pelo parafuso com porca de pressão. Fica muito mais firme. Assim que voltar de viagem, te mando uma foto mais detalhada desta parte. Abs

      Excluir