Trailer ou Moto Home

Eu prefiro as duas opções. Porque?

Viver no grande centro só para quem, imperativamente,  precisa estar lá.

Moto Home

A meu ver, a principal vantagem do Moto Home está na dirigibilidade. Por ser um veículo sem articulação, o uso na estrada, cidades e o manejo nas manobras é seu forte.

motohome4_thumb[1]

Como ponto fraco, vejo o fato de que sua casa é seu carro também. Depois de concluir todas as tarefas de ligar água, energia, esgoto (se for o caso), abrir seu toldo e preparar sua área de lazer anexa do veículo, vem a necessidade de sair para conhecer a cidade, ou mesmo fazer um deslocamento não programado. Ou vai de taxi ou aluga um carro. Nem sempre é possível usar transporte público.

Salvo os casos em que além do Moto Home, você ainda leva um veículo leve para este fim. Esta sim é a solução completa, mas bem, bem cara.

motorhome3.jpg_thumb[1]

Conheço soluções como o marido conduzindo o moto home e a esposa dirigindo o carro de apoio, ou arrastar o carro pequeno preso ao moto home através de um cambão. A primeira afasta quem deveria estar junto na viagem e a segunda, além de impor desgaste precoce ao equipamento, vai gerar muita curiosidade e constantes paradas na Polícia Rodoviária.

Trailer Fixo e Móvel

Fixo

Um trailer de boas dimensões, com todos os itens de conforto indispensáveis é uma opção muito mais agradável e barata de moradia. Óbvio que se alia nesta avaliação, o ambiente onde, normalmente, estão estacionados estes trailers, ou seja, campings com muita área verde, localizados em locais turísticos e de clima ameno (serras e praias), já integrados com serviços, lazer e segurança.

Por si só, estas afirmações fazem a cabeça de quase todos. Mas é sempre bom testar, conhecer, vivenciar antes de decidir. Assim fizemos por um bom tempo, aguardando que a oportunidade viesse até nós.

Encontramos na serra o nosso canto e ponto de partida para nossas viagens. Em Teresópolis, mais especificamente no Camping Club Quinta da Barra, fomos apresentados a nossa nova casa, e dela tomamos posse.

Se você já sonhou em ter um barco e viajar pelos mares, seu sonho é análogo ao nosso. Trailer não é sinônimo de barraca, muito pelo contrário. Assim ficou o nosso, com o aumento de área obtida pelo avance integrado.

frent_thumb[2] exterior2_thumb[1]

O trailer é o modelo Condor da MotorTrailer, com medidas aproximadas de 2,50 metros de frente, 9,10 metros de comprimento e altura livre de 1,95 metros. Todo este espaço mais a área do avance ( 3m x 10m) fornece uma área em torno de 48 m², garantindo um conforto considerável. Isso sem falar em toda a área livre ao redor.

 suite1_thumb box_thumb

interior2_thumb interior1_thumb

sala1_thumb sala1a_thumb

sala2_thumb sala2a_thumb

suite2_thumb

Estas últimas 5 fotos pertencem ao avance.

 

Móvel

Não vou me alongar sobre as vantagens financeiras de ter um trailer móvel, já que levar sua casa para onde quer ir e lá permanecer pelo tempo que desejar, não incorrendo nas despesas de hotelaria, por si só é argumento suficiente. O ponto fraco está na dirigibilidade. O conjunto articulado (carro + trailer) impõe certos cuidados na estrada (efeito pêndulo), e dificulta as manobras em áreas restritas.

Problemas estes, facilmente superados pelas vantagens de estar na sua casa, com tudo que lhe é próprio, com suas roupas, itens de higiene, cama e travesseiros que lhe conhecem(rsrss), fogão, geladeira, TV, computador, …..

movel4_thumb movel3_thumb

movel2_thumb Movel1_thumb

Projeto da Delka

Chegando onde for,  com os mesmos planejamentos de uma viagem, você estaciona sua casa, captura energia e água e pronto. Seu carro está livre para seus passeios. Classifico esta como a maior vantagem em relação ao moto home. Você estabelece uma moradia (base de apoio fixa) e está livre para conhecer os atrativos do lugar com agilidade, conforto e flexibilidade.

Consideramos como item imprescindível para um trailer móvel, o banheiro completo, com chuveiro, pia e vaso, incluindo caixa d´água e caixa de detritos. Uma geladeira grande também é muito importante para armazenar alimentos. Refeições caseiras são mais saborosas e muito mais econômicas.

Com o fim da exigência de habilitação especial para condução de trailers (ocorrida no ano de 2012), as fábricas começam a reaparecer, com propostas muito mais leves e atualizadas tecnicamente.

retornar ao Menu Anterior

13 comentários:

  1. bom dia carlos , parabens pelo site ,tenho duas duvidas que gostaria compartir , tenho um carro , vitara 1995 1.6 16v, com 4x4 , o 4 portas , estou querendo comprar: karmann 270 (colibri) ou reboque para 2 cavalo com 2 eixos para camping , eles sao mais parrudos, estavel,seguros;mais menos confortaveis. para viajar por br , uru , arg., qual seria sua recomendaçao? e minha segunda duvida e se o trailer ou reboque precisa da carta verde para atravessar a fronteira? o carro ja sei que precisa. obrigado e saludos !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá David. A combinação do Vitara com o 270 está ótima. Melhor que o reboque para cavalos, que vc ainda teria que rechear com os itens que precisa para ter conforto. A carta verde é somente para vc, motorista habilitado, do veículo rebocador (Vitara), se bem que não precisei apresentar na última viagem pelo Uruguai e Argentina, mas amigos foram requisitados. De qq forma é regra a ser cumprida. Rodamos uns 1500 km dentro do Uruguai inicio deste ano. Se quiser ver por onde acampamos e passamos, o link é http://www.nasestradasdoplaneta.com.br/2015/08/america-do-sul.html.
      Boas estradas.

      Excluir
  2. Parabéns pelo site, estou construindo um Mini-trailer, para mim e minha esposa, não vamos ter o conforto de um trailer, mas teremos cozinha e um quarto com tv, vamos puxar com 1 celta, o peso do mini vai ficar em torno de 500kl, se distribuir bem o peso vc acha que dá pra viajar com segurança em velocidade baixa, tipo uns 70/80km/h? E quanto as subidas íngremes será que vai? Obrigado e abraços...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rodrigo. Vai puxar bem sim. O mini tem aparecido pelas estradas sendo puxados por triciclos. A galera das 3 rodas tem visto no mini uma forma muito interessante de viajar. Com o peso bem distribuído a pressão sobre a bola do engate vai ser pequena, favorecendo a tração dianteira do Celta. Nas subidas vai sim, mas vai demandar marchas de força (2 e 3ª). Obg pela visita.

      Excluir
  3. Respostas
    1. Olá ELisa. A faixa é muito grande. Trailers dos mais antigos e menores você pode encontrar por até 25 mil, e Motorhomes (motorcasa) mais novos podem chegar até os 450 mil.
      Vc deve primeiro estabelecer o tamanho de sua família e o grau de conforto que pretende usufruir. Daí posso te ajudar a encontrar um equipamento mais adequado, sem gastar tanto.

      Excluir
  4. Cara eu tenho um Monza 2.0 Motor novo sou muito chato com meu carro ele é zero todo revisado saca, então eu tenho muita vontade de colocar um trailer turiscar aquele de 1 eixo sabe? será que rola? e queria perguntar qual o trailer vc me recomenda vou viajar e e minha esposa. grande abraço! e obrigado por trazer esses conhecimentos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa. Seu Monza 2.0 pode puxar até um KC380, igual ao nosso. (http://www.nasestradasdoplaneta.com.br/2018/04/trailer-karmann-guia-380-mais-frontier.html)

      Ele é bem confortável para um casal e de tamanho compatível com seu veículo e de fácil dirigibilidade. Abaixo dele temos o 330 (3,30m de comprimento), com um layout interno um pouco mais apertado, mas ainda assim bem confortável.

      Se vai rebocar, não deixe de ler este artigo que trata de segurança e dicas para quem vai entrar no caravanismo. ( http://www.nasestradasdoplaneta.com.br/2013/08/o-mito-do-conjunto-carroreboque.html )

      Seja bem vindo e conte conosco para qq dúvida. Grande abraço e boas estradas.

      Excluir
  5. Boa tarde Carlos.
    Porque você saiu da Camper e voltou para o trailer? Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Antonio,
      Estamos nos preparando para passar uns 4 anos na Europa, onde vamos comprar ou alugar um equipamento para rodar pelo continente. Levar a Camper para lá é muito dispendioso, além de ser inferior tecnicamente às opções disponíveis por lá.
      O trailer que temos é um xodó antigo, que sempre esteve sob nossos cuidados. Enquanto tudo está sendo concluído em termos de planejamento, vamos aproveitando nosso KC380 para passear por aí.

      Excluir
  6. Bom dia Carlos,
    Desculpa a inexperiência, mas prefiro a opção do Moto Home, pois pretendo ficar rodando durante um tempo. Entretanto, eu achava que o Moto Home gerasse sua própria energia. Gera? Como se faz com água e esgoto no dia a dia?? Parabéns pelas dicas e abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Felipe. Bom dia e obrigado pela visita.
      Sim, O MH gera sua própria energia. É possível ser auto-suficiente com placas solares e baterias, isso incluindo até o uso do ar-condicionado.
      Quanto ao esgoto de águas servidas (banho e pias) e detritos (fezes e urina), o MH tem caixas específicas para armazenar e tratar por vários dias, mas que em algum tempo vão precisar ser esvaziadas em locais específicos para esse fim.
      O estoque de água para uso dos moradores do MH também é determinado pelo tamanho do equipamento. A reposição é fácil. Basta um ponto de água para recarregar.
      O caravanismo está crescendo muito aqui no Brasil. Só falta você. Abs e conte conosco para qualquer dúvida.

      Excluir
  7. Obrigado pela atenção, pesquisei um pouco e me parece que ainda temos muito a caminhar nesse tópico no país. Vou achar um tamanho e custo ideal pra minha temporada num MH. ;) obrigado e abss

    ResponderExcluir