Mostrando postagens com marcador Chile. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Chile. Mostrar todas as postagens

Lagunas Cejar e Tebinquinche, Atacama, Chile

Laguna-Cejar-Atacama-1---maio/2018 – este foi nosso último passeio no Atacama. Mais um dia de flutuação involuntária nas lagoas de sal Cejar e Tebinquinche, tendo ao fundo o imponente vulcão Licancabur.
Com a concentração de 40% de sal para cada litro, o corpo humano não tem densidade suficiente para afundar. Essa experiência, similar a que tivemos nas Lagunas Escondidas, é muito curiosa para nós, que estamos habituados às praias e cachoeiras, onde as águas são bem mais leves. Veja mais… >>>

Tour Astronômico em San Pedro do Atacama

Ahlarkapin-observatorio-astronomico-sam-pedro-de-atacamamaio/2018 - Céu do Atacama. O mais lindo do Mundo.
Nosso tour astronômico foi no Observatório Ahlarkapin. Tivemos o privilégio de aprender com os indígenas e administradores do Observatório muito sobre o céu Andino.
A astronomia era usada como base para a agricultura, para prever os movimentos dos astros e a evolução.
Tendo o céu como guia, podiam determinar o melhor dia para ritual, uma colheita, uma batalha. Veja mais… >>>

Salar de Tara, Atacama, Chile

Salar-de-Tara-Atacama-Chile-1maio/2018 – este passeio nos pareceu o mais completo pela diversidade de ambientes e climas durante os 140 kms que separam o Salar de Tara de San Pedro.
Saída bem cedo, para aproveitar o dia e encontrar ainda muita neve pelo caminho.
A troca de micro climas é intensa. Começamos em terreno árido, tendo sempre a companhia de simpáticas lhamas ao lado da estrada para, pouco depois, cairmos num vale nevado, sempre subindo em direção ao Salar. Deixamos San Pedro a 2400 metros e chegamos ao Salar nos 4400 metros. Veja mais… >>>

Valle de La Luna e Valle de La Muerte, Atacama, Chile

Valle-de-La-Muerte-Atacama-Chile--maio/2018 – neste passeio fomos visitar ambientes que não são daqui. Os Valles de La Luna e de La Muerte, são pedaços de nosso planeta que muito bem poderiam ser da Lua ou de Marte, como incialmente era chamado o Valle de La Muerte.
Este deserto fantástico já esteve coberto de gelo. Com os movimentos tectônicos, a cordilheira dos Andes trouxe esse pedaço de terra para a altitude dos 2300 metros, criando o deserto mais alto e seco da terra. Veja mais… >>>

Gêiseres del Tatio e Povoado Machuca, Atacama, Chile

Geiseres-del-Tatio-Atacama-Chile---maio/2018 – este passeio vai te tirar da cama muito cedo. Quando digo cedo, é lá pelas 3h30min da madrugada, para estar entrando na VAN no máximo às 4 horas.
Porque??? ─ o vapor é mais intenso por conta da grande diferença de temperatura em relação ao frio exterior e os jatos de água fervendo são mais espetaculares no amanhecer. Portanto, durma cedo, ajeite com sua pousada ou hotel um café especial (eles já estão acostumados a essa demanda), deixe as roupas de frio prontas e, com tudo organizado, vá conhecer este ambiente exótico e cheio de contrastes. Veja mais… >>>

Lagunas Escondidas de Baltinache, Deserto do Atacama, Chile

lagunas-escondidas-chileabril/2018 – outro passeio espetacular para incluir na sua viagem. Aqui você vai passear sobre o salar, visitando 7 lagunas e mergulhando em somente uma delas.
O jogo de cores continua surpreendente. Para onde apontar sua câmera, vai obter resultados únicos.
A experiência de entrar na laguna e não conseguir afundar, independente de seus esforços, é muito estranha, principalmente para nós, que fomos criados na beira do mar. Veja mais… >>>

Lagunas Altiplânicas, Piedras Rojas, Trópico de Capricórnio no Chile

lagunas-Altiplanicas-e-Pedras-Rojas--março/2018 – considerado por nós o lugar mais espetacular, dentre os muitos outros incríveis no Deserto de Atacama. A beleza combinada de cores, reflexos, lâminas de água, pedras, montanhas e céu só poderia ser melhor se os flamingos que aqui habitavam, não tivessem abandonado a laguna por conta da estupidez de um esportista brasileiro e sua equipe de filmagem. Um lugar que antes se podia apreciar mais de perto, agora está fechado à visitação, enquanto se recupera naturalmente. A gente conta isso e mostra muito mais dessa beleza a seguir. Veja mais… >>>

Laguna Chaxa e os Flamingos do Salar de Atacama

Flamingos-Laguna-Chaxa-Atacamafevereiro/2018 – nosso primeiro contato com as belezas do Deserto do Atacama foi no passeio à Laguna Chaxa, onde a concentração de Flamingos é maior.
Essa laguna está a 2300 metros de altitude, no mesmo nível de San Pedro de Atacama. Suas águas tem origem no degelo da cordilheira. Infiltram-se nas grandes altitudes e acabam por aflorar em forma de lagunas no salar.
A concentração de sal é muito alta, formando um bioma único e muito exótico. A população de Flamingos é grande e composta de 3 espécies, além de pássaros migratórios como o Playero (B95). Para onde se olha, a beleza surpreende. Veja mais… >>>

San Pedro do Atacama, Chile

igreja-san-pedro-de-atacamafevereiro/2018 – se há uma imagem que representa o lugarejo San Pedro de Atacama é sua igreja. Datada de 1774, foi construída pelos jesuítas espanhóis.
As paredes são feitas com adobe (argila, areia, água). Essa combinação depois de seca em forma de tijolos, permite que as paredes respirem, evitando a criação do mofo.
O teto da igreja é feito de madeira de cacto (engenharia andina) e couro de lhama. A torre foi anexada somente em 1890. Foi ao seu redor que o povoado foi se formando. Veja mais… >>>

Santiago no Chile

santiago-chile-cordilheira-e-costanera-smfevereiro/2018 – começamos nossa presença no Chile por Santiago, tendo como vizinha a linda Cordilheira dos Andes. Aliás, quando o piloto de nosso voo LATAM comunicou que estávamos cruzando a cordilheira, anotamos esse momento em nosso currículo de viajantes.
Reservamos apenas 2 dias para Santiago. Afinal, nosso foco está sempre voltado para as belezas naturais, que estão nos esperando no Deserto do Atacama.
Já que estamos aqui, vamos bater perna e conhecer um pouco dessa cidade, sempre muito bem recomendada. Veja mais… >>>

Santiago, San Pedro do Atacama e Salar do Atacama no Chile

brasil-e-chilefevereiro/2018 – fazia um bom tempo que o Chile e, principalmente, o Deserto do Atacama estavam em nossa mira. Pesquisando na blogosfera, vimos que essa época, bem dentro do carnaval, era excelente para visitar o Chile, incluindo aí uma melhor taxa de câmbio, já que os chilenos estão em busca de R$ para visitar o Brasil.
Passagem na mão Rio x Santiago pela LATAM, patrocinada pelos pontos acumulados no MULTIPLUS (29000 pontos, ida e volta, para cada um), fomos atrás dos hotéis, hostels, operadoras de turismo e voos domésticos dentro do Chile. Veja mais… >>>

Chile, é pra lá que vamos. Até a volta

fevereiro/2018 – o blog dá uma paradinha até nossa volta das belezas do Chile. Vamos concentrar toda a movimentação de posts e fotos nas redes (Facebook, Instagram e Twitter).

Venha conosco.

Chile-e-pra-que-vamos-ate-a-volta

                                    Até breve.    Siga-nos nas redes sociais

         Siga-nos no Twitter Veja nosso canal no YouTube Curta nossa página no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Google+


Destino Chile. Onde comprar roupas de frio?

geysers-atacama-chile-smallfevereiro/2018 – nossa proa está apontando para Santiago e Atacama no Chile. No Atacama, a temperatura nessa época é de extremos, podendo variar de 26ºC a 5ºC num mesmo dia. Isso mesmo, uma amplitude de 21ºC entre máxima e mínima.
O clima no mês de fevereiro pode lhe brindar com algumas das raras chuvas na região, mas muito longe de comprometer seu passeio.
Investir em roupas para o frio (tema deste artigo) requer bom senso, até porque, deverão passar a maior parte do tempo no armário, aguardando outra investida gelada. Veja mais… >>>