Inverno - 5 campings para aproveitar a estação gelada

sinal_de_acampamento_de_inverno

junho/2017– O inverno nem chegou e já estamos enfrentando temperaturas abaixo de zero no sul e sudeste do Brasil.
Acampar nestes tempos pode conferir muito charme e prazer aos campistas, mas também alguns perrengues para aqueles que se deixam pegar despreparados.
A máxima que diz:
NÃO EXISTE FRIO, EXISTE EQUIPAMENTO INADEQUADO”,
é a mais pura verdade e, ver-se aprisionado numa situação difícil, pode ser muito traumático. Dentre os campings que já visitamos, selecionamos 5 deles (até 300kms do Rio de Janeiro), para sugerir uma investida neste inverno. Alguns ainda planejam atividades típicas da estação, como as deliciosas festas juninas e julinas. Veja mais… >>>

  1. Camping Dona Esmeralda – Serra da Bocaina – São José do Barreiro/SP. Distante apenas 177kms do Rio de Janeiro é uma das nossas opções preferidas. A estrutura do camping é completa, com muito espaço e uma grande oferta de água.
    As opções para passeios são muitas (clique aqui).
    Veja como foi nossa passagem por lá ano passado (clique aqui).
    A Festa Julina deste ano, ainda não tem data e promete ser muito animada, sem falar na excepcional hospitalidade dos administradores e proprietários. Veja mais na página do camping no Facebook.

  2. Camping Clube Quinta da Barra – Teresópolis/RJ. Somos suspeitos para falar destequinta-da-barra camping. Afinal é aqui que mantemos nosso trailer/casa e nossa camper para viagens. É um camping muito querido, com bastante espaço e ótima estrutura. O outono já nos trouxe temperaturas bem baixas (0ºC). Se assim continuar, este inverno vai surpreender.
    O local é muito agradável, tranquilo e silencioso, protegido por mata preservada, no bairro Quinta da Barra, a 10 minutos do centro de Teresópolis (visita obrigatória ao Parque Nacional da Serra dos Órgãos).
    Para saber mais sobre o camping, clique aqui.
    A Festa Junina será no dia 17/06. Antecipe-se caso queira alugar algum trailer ou chalé. Para saber todos os detalhes da festa, consulte o evento na página do camping no Facebook.

  3. CCB de Muri – Nova Friburgo/RJ. Um de nossos favoritos também. Com a clássicacamping-clube-do-brasil estrutura do CCB, este camping tem o privilégio de estar plantado numa região de serra abençoada com muita água e um clima especial. Tudo funciona muito bem.
    A administrador e amigo João realiza todo mês um evento social, integrando os campistas mensalistas e os visitantes.
    A esperada festa junina, deverá ser julina. Data ainda a confirmar e nós estaremos lá. Venha você também.
    Para saber mais informações sobre o camping, clique aqui.
    Quer algumas dicas do que fazer na região? Clique aqui.

  4. Camping de Tiradentes – Tiradentes/MG. Na linda Tiradentes, fica o campingtiradentes administrado pelo querido casal Sr. Luiz e D. Isabel. Fica distante apenas 4kms do centro de Tiradentes, ou se você quiser caminhar pela linha do trem, serão somente 3kms até a estação da Maria Fumaça.
    Não podemos esquecer de registrar as delícias que saem da cozinha de D. Isabel. Vai um pão de queijo de panela?
    Além de visitar a linda Tiradentes e arredores, não se esqueça de fazer uma incursão na Serra de São José. Estivemos lá. Veja clicando aqui.
    Para conhecer melhor o camping, clique aqui.

  5. CCB da Serrinha do Alambari – Resende/RJ. Considerado por nós, até o momento, camping-clube-do-brasilcomo o mais bonito dentre todos que já visitamos. Localizado entre Penedo e Visconde de Mauá, no local chamado de Serrinha do Alambari-RJ, nos surpreendeu com a beleza natural, a amplitude dos espaços, a conservação e o cuidado com os detalhes.
    A beleza natural é o principal atrativo do lugar. Inúmeras cachoeiras, trilhas estão ao alcance de todos os campistas.
    Uma das principais festas de inverno é a tradicional Queijos e Vinhos, já na sua 46ª edição, que ocorrerá em maio deste ano, durante o feriado de Corpus Christi. Estivemos lá. Saiba como foi clicando aqui.
    Conheça mais sobre o camping, clicando aqui. O que mais há para se fazer na Serrinha do Alambari? Muita coisa (clique aqui)

Mas e o frio? Colecionamos algumas dicas interessantes, para que seu acampamento de inverno seja um sucesso.

  • Não subestime o frio do lugar para onde você vai! Especialmente em lugares altos,saco-de-dormir pode fazer calor de dia, mas de noite esfria e venta muito. Leve um saco de dormir que aguente o tranco e roupas que esquentem bem. Uma dica legal também é fazer alguns polichinelos antes de entrar no saco. Isso fará com que o calor do seu corpo aumente, e logo em seguida você poderá entrar no saco de dormir. O saco de dormir não foi feito pra esquentar, ele apenas segura o seu calor corporal. Lembre-se também de utilizar um isolante térmico por baixo do saco de dormir. Colchões de ar não são muito aconselháveis no frio pois esfriam rapidamente.
  • Tenha uma barraca com resistência à chuva. Passar frio é ruim, mas passar frio molhado além de ser ruim é perigoso! Prepare-se.
  • Certifique-se que deixou sua barraca ventilada para a noite. Por mais frio que esteja lá fora, a barraca irá condensar por dentro com o calor de seu corpo e deverá estar ventilada para minimizar esta condensação.
    Se a barraca não estiver ventilada você acordará todo molhado, com o sobre teto da barraca repleto por gotí­culas d’água.
  • Escolha um local apropriado para montar sua barraca, de preferência abrigado do vento e que receba o sol da manhã, para secar seu equipamento e o sereno que sua barraca recebeu durante a noite. Tenha certeza que o chão não empoça…
    Não monte sua barraca em baixo de árvores, pois enquanto você dorme um galho enorme pode cair em sua cabeça que você não vai nem ver, evite montar sua barraca em terrenos esburacados, caso chova formarão poças d’água gigante em baixo de sua barraca.
  • Tenha um bom isolante térmico, que o afaste do frio do chão. Uma dica legal que você pode usar, também, são os cobertores de emergência como chão dentro da barraca, para aumentar o isolamento.
  • Deixe em casa duas coisas muito importantes para o dia a dia das cidades e absolutamente supérfluas/quase perigosas para o dia a dia ao ar livre: calça jeans e camisetas de algodão. Ambas demoram para secar e não esquentam quando molhadas. Pelo contrário, resfriam tremendamente e, claro, te deixam gelado!
  • Não esqueça de um bom par de meias, luvas, cachecol e um excelente gorro, pelo menos 25% do calor do corpo sai pela cabeça…
  • Garrafas PETs podem servir de saco de água quente. Encha-as com água quente e coloque-as dentro do saco de dormir (bem fechadas), para esquentar.
  • Os dias são mais curtos no inverno, ou seja, a noite chega mais cedo. Planeje sua caminhada ou qualquer outra atividade de acordo com os horários do sol, para que você tenha tempo suficiente de armar o acampamento antes da noite chegar. O fim da tarde costuma ser um horário bastante frio. Se você já puder estar com tudo pronto e aquecido com uma roupa limpa e seca será muito melhor.
                                                                                                                             fonte: nautika.com.br

Outra excelente matéria são as 25 dicas formuladas pelo pessoal do fuiacampar.com.br. Vale uma leitura atenta.pets-no-frio

E não esqueça de seus animais de estimação. Lembre que todo o frio que você pode estar sentindo, eles também estarão. Equipe seu PET com o que for necessário para seu conforto. Uma forma de saber se seu amigo de 4 patas está passando frio, é checar a temperatura da ponta de sua orelha. Se estiver muito fria, trate de aquece-lo. Na dúvida, melhor não levá-lo. Quer conhecer PET´s campistas? Clique aqui.

Até breve.    Siga-nos nas redes sociais

         Siga-nos no Twitter Veja nosso canal no YouTube Curta nossa página no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Google+

 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ A LEITURA ABAIXO

Horário de Silêncio nos Campings
As 11 melhores cachoeiras do Brasil
Backpacking light – Matéria da Revista Papo de Montanha

Aproveite que está aqui, cadastre abaixo seu e-mail em nosso Feed de notícias e receba gratuitamente, todas as atualizações deste blog.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário